quinta-feira, 25 de março de 2010

Capítulo 14 - QUIÁLTERAS

QUIÁLTERAS

Neste capítulo vamos conhecer os grupos de notas que não obedecem à divisão do compasso, normal e determinada. Chamam-se quiálteras o grupo de figuras que aparecem em maior ou menor número do que o estabelecido pelo compasso ou tempos do mesmo.

No exemplo abaixo, vemos compassos indicados, que não seguem a divisão determinada.



Já no exemplo seguinte, vemos compassos indicados, que não seguem a subdivisão determinada.



O grupo de três figuras com valor de duas, indicado pelo número 3 sobre ou sob as notas, chama-se tercina ou três-quiálteras. O grupo de cinco figuras com valor de quatro chama-se cinco-quiálteras, e assim por diante.



As quiálteras são representadas pelos mesmos valores usados na divisão ou subdivisão normais. Assim, no segundo exemplo se escrevem cinco semicolcheias onde normalmente apareceriam quatro, e três colcheias onde normalmente apareceriam duas.



As quiálteras devem ser abrangidas por uma linha curva ou por um colchete:



  • O colchete é preferível, pois se for uma linha curva pode ser confundida com a linha curva de fraseio, que é uma linha curva que representa um som que se prolonga por diversas notas. Veja o exemplo:



As quiálteras podem ser aumentativas ou diminutivas.



QUIÁLTERAS AUMENTATIVAS

São aquelas cujas somas dos valores são maiores que o valor ou o grupo de valores normais.





Exemplos de 3, 5 e 6 quiálteras.



QUIÁLTERAS DIMINUTIVAS

São aquelas cujas somas dos valores são menores que o valor ou grupo de valores normais.



Exemplo de duas-quiálteras.



QUIÁLTERAS REGULARES

São grupos de valores alterados. Que no Compasso Simples possuem mais a metade do valor do grupo normal e no Compasso Composto possuem menos um terço do valor do grupo normal.

Quiálteras Regulares no Compasso Simples:



Os grupos normais de 2, 4, 8, 16, 32 e 64 mais a metade, resultam em quiálteras regulares de 3, 6, 12, 24, 48 e 96.

Quiálteras Regulares no Compasso Composto:



Os grupos normais de 3, 6, 12, 24, 48 e 96 menos 1/3, resultam em Quiálteras Regulares de 2, 4, 8, 16, 32 e 64.

Pelos dois quadros acima, podemos observar que as quiálteras regulares do Compasso Simples são grupos de valores alterados, iguais aos grupos normais do Compasso Composto e vice-versa, com figuras da mesma espécie.

QUIÁLTERAS IRREGULARES

São formadas por grupos alterados de 5, 9, 10, 11, 13, 14, 15, 17 etc., por não pertencerem à divisão binária nem ternária dos valores estabelecidos.

QUIÁLTERAS COM VALORES DIFERENTES

As quiálteras também podem ser formadas por figuras positivas e negativas de valores diferentes.




As quiálteras podem ser formadas nos tempos, nas partes de tempo e preenchendo o compasso.



A quiálteras podem ser compostas por valores diferentes ou pausas ou ambos ao mesmo tempo. Vejamos no exemplo abaixo:



  • Neste caso, o nome das quiálteras não muda. Assim, nos exemplos dados, cada grupo de notas continua sendo chamado "três quiálteras" ou tercina.

As quiálteras podem, por sua vez, conter quiálteras de valor menor, como representado na figura abaixo.


Às vezes, devem-se executar simultaneamente:

a) grupos normais e quiálteras:


b) quiálteras diferentes:


A isso se denomina contra-ritmo.

7 comentários:

  1. Parabéns pelo texto.

    Pequeno erro durante o texto (fora isso está execelente):

    ORIGINAL: Os grupos normais de 2, 3, 8, 16, 32 e 64 mais a metade, resultam em quiálteras regulares de 3, 6, 12, 24, 48 e 96.
    CORREÇÃO: Os grupos normais de 2, 4, 8 [...] e não "2, 3, 8 [...]"

    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. franciscarlos ramalho7 de abril de 2011 19:44

    Procurei Campo Harmonico e Formação de Acordes no site e não encontrei, se existe desculpe o mau jeito, se não o tem por favor postem essas matérias são de supra importancia, muita obrigado e parabens pelo site é maravilhoso !!!

    ResponderExcluir
  3. Olá Fran, de fato ainda não postei nada sobre isso. Mas vou com calma pra não atropelar ninguém. Obrigada!

    ResponderExcluir

Curta o Teoria Musical no Facebook!
https://www.facebook.com/TeoriaMusical

Visite o site do Teoria Musical!
http://joannabraccini.wix.com/teoriamusical